Ted Bundy

Charmoso, comunicativo, e um dos maiores assassinos dos Estados Unidos. Iniciou a sua carreira criminosa assassinando e estuprando as suas vítimas. Seu charme e inteligência fizeram dele uma espécie de celebridade durante seu julgamento, inspirando filmes e romances sobre Serial Killer.




Ted Bundy, seduzia e matava mulheres. Foi preso e conseguiu fugir, dando continuidade a seus crimes na mesma noite em que escapara. 
Foi levado a julgamento e condenado à pena de morte por eletrocução. Os jurados demoraram apenas quinze minutos deliberando sobre o veredito. Executado em 24 de janeiro de 1989.

infância perturbada

Nasceu em no dia 24 de novembro de 1946 em Burlington, Vermont, Estados Unidos. Cresceu acreditando que sua mãe, Louise era sua irmã, e que seus avós eram seus pais. Mudou-se para Tacoma em Washington com Louise que se casara com Johnny Bundy. Todas tentativas de Johnny de desenvolver um relacionamento de pai e filho com Ted, foram rejeitadas.
Bundy era um bom aluno. Adolescente, um lado mais sombrio de seu personagem começaram a surgir.
Na universidade de Washignton conheceu e começou um relacionamento com uma garota, durou até 1968.Bundy decidiu retornar a cidade onde nasceu, terminou descobrindo que quem ele acreditava ser sua irmã, era na verdade a sua mãe.


Início dos assassinatos


Ele se formou na Universidade de Washington com uma licenciatura em psicologia em 1972.Em 1973, encontrou sua ex-namorada de faculdade, começou um novo relacionamento e a pediu em casamento e foi aceito; O número de vítimas de Budy é uma incógnita. Acreditam que ele começou a matar em 1972. Budy atraia suas vítimas fingindo estar com uma fratura no braço ou perna, pedia ajuda, uma vez que ele atraía suas vítimas para a porta do carro, ele batia e as levava embora para reservadamente desfrutar de suas mortes.

Prisão

Em 1975, Bundy foi preso por não ter parado para um policial.Ted se defendeu em julgamentos em Utah, Colorado e Flórida enquanto a polícia tentava reunir um rastro de meninas mortas que conduzissem a ele, foi condenado a 15 anos no dia 1 de março de 1976.Foi enviado para o Colorado, onde conseguiu fugir.Foi recapturado 6 dias depois, escapou novamente após 6 meses.
Durante seus vários julgamentos, um Ted Bundy muito seguro de si se defendeu, recebendo elogios e uma legião de admiradoras. Quando sua execursão não podia mais ser evitada, confessou 30 assassinatos.
Depois de várias apelações Bundy foi eletrocutado pelo estado da Flórida em 1989. Para sua última refeição ele pediu bife, ovos, pão e café.

Bundy ainda foi alvo de uma ironia no dia de sua morte: foi uma mulher quem ligou a chave da cadeira elétrica que pôs fim à sua vida.

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas